Curiosidades

Um Citroën 2CV de ‘duas cabeças’

Estranha viatura foi uma invenção do Corpo de Bombeiros de uma pequena cidade francesa

A ideia foi do Coronel Hourcastagné, oficial do Corpo de Bombeiros da pequena Cogolin, na França. Em 1956 o Citroën 2CV já era utilizado pela corporação no trabalho de reconhecimento nas montanhas. Uma noite, em uma dessas missões, o Coronel se viu obrigado a descer por vários quilômetros de marcha-a-ré, por um caminho íngreme, iluminado apenas por uma lanterna. É que no local não havia nenhuma possibilidade de manobra.

O veículo original, em rara imagem da época

Foram adquiridos dois 2CVs, que foram cortados e ao meio e as duas frentes soldadas. Nascia assim um automóvel para lá de estranho, mas muito funcional. Com dois motores, dois volantes, dois conjuntos de pedais e com as quatro rodas articuladas — duas delas se mantinham travadas quando o veículo andava na direção contrária.

Ele se mostrou extremamente útil, pois além de poder andar nas duas direções sem a necessidade de nenhuma manobra, poderia se transformar num 4X4 em situações de subida de montanha, bastando que houvesse a ajuda de um segundo motorista para engatar a ré em um dos lados, enquanto o outro andava para frente.

O carro original nos anos 1990, quando foi desmontado

O 2CV bicéfalo prestou bons serviços para Cogolin por mais de 10 anos, sendo substituído em 1970. Foi desmontado na década de 1990 para restauração, mas até hoje o trabalho não foi concluído. Este da foto principal que ilustra essa matéria é uma réplica do Museu Motor Lane, de Nashville – EUA. É ele que também aparece no vídeo abaixo.

Texto e edição: Fernando Barenco


 

Comentários do Facebook

Novidades dos Classificados

Informativos pelo WhatsApp

%d blogueiros gostam disto: