Curiosidades

Emblema da Porsche teve origem em Nova York

Emblema Porsche

Um dos mais famosos emblemas automotivos do mundo adorna os modelos Porsche desde 1952. Mas como ele nasceu?

No setor automotivo, o emblema da Porsche é sem dúvida uma das mais reconhecidas de todo o mundo. Ela adornou um carro da marca alemã pela primeira vez em 1952. Sua concepção foi baseada no brasão da cidade de Stuttgart — sede da empresa — que é dividido em quatro partes, duas com listras em vermelho e preto e duas com cifres estilizados. No alto a palavra “Porsche” e ao centro um cavalo preto empinando e um fundo amarelo com a palavra “Stuttgart”. Desde então, esse design foi bem pouco alterado.

O fracassado concurso

Mas é pouco conhecida a origem desse emblema. A inscrição “Porsche” adorna o capô desses esportivos desde 1948, com o lançamento do 356. Mas a ideia de aplicar nele um emblema levou três anos para ser concretizada.

Em março de 1951, Ferry Porsche e Ottomar Domnick — um médico de Stuttgart que era cliente da Porsche — lançaram um concurso de design entre as academias de arte alemãs, para criação de um emblema, cujo prêmio seria de 1.000 marcos alemães. Mas os resultados não agradaram e nenhum dos artistas concorrentes saiu vencedor.

Nova York e a origem do emblema da Porsche

Esboço da primeira versão do emblema, de 1952 e propaganda da Hoffman Motor Car


Eis que surge o empresário austríaco Max Hoffmann e a ideia então ganha força na cidade de Nova York, bem longe da sede da fabricante de carros esportivos.

Ele era o proprietário da Hoffman Motor Car Company, uma famosa revenda especializada na importação de esportivos europeus para os Estados Unidos. Tudo o que ele apresentava em seu showroom se transformava na próxima grande novidade nas estradas norte-americanas.

Pouco depois dele importar o primeiro Porsche 356 para os Estados Unidos, ele ganhou o prêmio de carro mais interessante no Concours d’Élégance em Watkins Glen, Nova York. Mas ele vê ainda mais potencial no veículo vencedor. Em um jantar de negócios com Ferry Porsche no final de 1951, o importador recolocou o assunto em pauta: é preciso desenvolver um emblema visualmente atraente – um símbolo que crie ainda mais identidade para os carros Porsche.

E o emblema Porsche ganha vida

De volta à Alemanha, Ferry Porsche encomendou ao designer Franz Xaver Reimspieß, a criação de uma logomarca que contivesse a palavra “Porsche” combinada com o brasão de Stuttgart. Algo que refletisse simbolicamente as raízes da empresa, bem como a qualidade e o dinamismo dos produtos.

Emblema Porsche

O resultado é o que pode ser visto até hoje. Em 1952, o emblema Porsche estreou no centro do volante do 356, antes de adornar o capô a partir de 1954 e as calotas a partir de 1959.

Agora em seu quinto estágio de evolução, ele sofreu pequenas revisões apenas para manter-se contemporâneo, mas nunca perdeu sua essência.

Matéria baseada em texto publicado originalmente na revista do cliente Porsche Christophorus
Fotos: Porsche Newsroom


Deixe seu comentário!

CADASTRE SEU WHATSAPP PARA RECEBER.

Novidades dos Classificados

Volta Redonda 2024