Repórter Maxicar

Kombi Schulwagen 1955: única sobrevivente é descoberta após 43 anos

Kombi Schulwagen

Versão especial com poucas unidades foi usada especialmente no treinamento de técnicos das concessionárias Volkswagen dos EUA nos anos 1950

Herndon, VA — Um dos veículos de maior destaque no Dia Internacional do VW Bus, em Huntington Beach, Califórnia, em 2 de junho, foi essa Volkswagen Kombi Schulwagen 1955, que pertence ao colecionador Lind Bjornsen.

Esses veículos de serviço foram construídos especialmente para o treinamento itinerante nas concessionárias VW dos EUA e acredita-se que o exemplar de Bjornsen seja o único sobrevivente.

Carros, motos, decorações, miniaturas, peças, ferramentas e literatura
(24) 2243-2876 / 98856-2876

Como nasceu a Kombi Schulwagen

No início dos anos 1950, Volkswagens e Porsches estavam entre os veículos importados para os Estados Unidos pelo empresário austríaco Max Hoffman. No entanto, a Volkswagen decidiu rescindir seu contrato com Hoffman como único importador e iniciou o trabalho de base para fundar a Volkswagen of America em 1954. Os dirigentes da VW em Wolfsburg queriam uma organização americana dedicada, para explorar o maior mercado de automóveis do mundo.

O objetivo da Volkswagen era o de dominar o mercado de importação dentro de uma década, mas a empresa sabia que, para ter sucesso, teria que apoiar sua organização de vendas com uma rede de peças e serviços para dar suporte aos clientes após a venda.

Até 1954, os representantes da Volkswagen, Will Van De Kamp e Geoffrey Lange, estabeleceram a rede de revendedores e distribuidores. Em 1955, eles fizeram com que Wolfsburg enviasse seus primeiros funcionários, três treinadores técnicos de serviço e um par de Kombis Tipo 2 especialmente equipadas para viajar para as concessionárias e treinar o pessoal de serviço. Esta foi a base da Escola de Serviços Móveis da Volkswagen. Curiosamente, os dois primeiros exemplares da Kombi Schulwagen foram entregues à Volkswagen of America antes de a empresa ser oficialmente constituída, em outubro de 1955.

A frota de Kombis Schulwagen expandiu para 14 veículos e todas foram fotografados do lado de fora do primeiro escritório da Volkswagen of America, em Englewood Cliffs, NJ. Na época, esses Schulwagens eram os VWs mais caros construídos, a um custo de mais de US$ 5.000 – ou o preço de dois modelos De Luxe de 23 janelas.

Porsche 924 1977
R$ 150.000,00

FNM Jk 2150
R$ 150.000,00

Ford Escort XR3 1992
R$ 29.900,00

BMW 740i 1997
R$ 95.000,00

R$ 16.000,00

FNM 2000 JK
R$ 120.000,00

Ford Corcel de Luxo
R$ 30.000,00

VW Santana GLS 1987
R$ 35.000,00

R$ 45.000,00

A Kombi Schulwagen de Lind Bjornsen

Essa Kombi Schulwagen em particular ficou guardada em um celeiro em Ohio por 43 anos, até que foi descoberta e acabou sendo comprada pelo colecionador Lind Bjornsen, que descobriu a preciosidade que estava escondida sob 10 camadas de tinta. O conjunto exclusivo de opções a identificava como uma Schulwagen de fábrica da VW para a Escola de Serviços Móveis. A fábrica da Volkswagen então confirmou que o veículo foi construído e entregue à Volkswagen of America em janeiro de 1955.

Durante o processo de restauração, as camadas de tinta foram removidas até a camada original que mostrava a pintura original da época. Os aspectos mecânicos foram todos atualizados e as ferramentas e equipamentos internos foram adquiridos. A pintura foi reparada e os logotipos foram repintados. Todo o processo de restauração levou quase cinco meses, um prazo incrivelmente curto para um projeto como esse, principalmente considerando a idade do veículo e os equipamentos especiais.

Redação e fotos: Media – VW of America


Deixe seu comentário!

CADASTRE SEU WHATSAPP PARA RECEBER.