MaxiBlog

VW Brasília e Puma GTi: dois brasileiros em Porto Rico

Brasília Puma Porto Rico

Modelos brasileiros refrigerados a ar têm ganhado a cada dia mais fãs mundo a fora, caso desses dois, que foram parar no Caribe

Cada vez mais vemos que os clássicos Volkswagens brasileiros e modelos afins vem ganhando a admiração mundial. Além do fenômeno chamado Kombi — que como temos mostrado aqui, estão sendo comercializadas a peso de ouro em leilões famosos ou em páginas de classificados não menos importantes — têm feito sucesso entre os colecionadores americanos, europeus e asiáticos modelos projetados e que só foram produzidos aqui, como por exemplo o VW SP2 e o Karmann Ghia TC.

Mas o sucesso internacional não é exclusividade desses modelos. O leque de opções tem crescido. Recentemente, por exemplo, publicamos uma pequena cobertura do Encontro Nacional do MP Lafer… na Alemanha!

Eis que agora descobrimos meio por acaso no Facebook postagens interessantes sobre outros dois brasileirinhos com motores refrigerados a ar (ou “aircooled”, se preferir). A página que se chama EuroCrewPR, é de Porto Rico — território dos EUA no Caribe — e é dedicada aos modelos de marcas de origem europeia, como Porsche, Audi e Volkswagen.

Uma recém-chegada

O primeiro é um VW Brasília 1974, que acaba de chegar àquela ilha da América Central e ostenta ainda as placas Mercosul do Rio de Janeiro. Repare em uma das fotos, que inclusive ela permanece por baixo da nova placa de Porto Rico, que é menor. Pelo jeito, lá só é necessária a placa de licença na traseira. Note também a plaqueta da tradicional Concessionária VW Abolição.

De acordo com a postagem onde as imagens foram publicadas, o carro acaba de chegar do Brasil e pertence agora ao porto-riquenho Oscar Ortiz.

Tem interior vermelho, rodas esportivas Fuchs e volante também no estilo Porsche, suspensão levemente rebaixada com eixo dianteiro encurtado e escapamento esportivo. Todo o restante é original.

Mais de 20 anos na Ilha

O outro aircooled brasileiro longe de casa é o Puma GTi, que de acordo com a postagem é um 1986, mas essa informação pode não estar correta. É que o modelo GTi do Puma foi oficialmente produzido só de 1980 até 1984.
No entanto, foram fabricados alguns pouquíssimos exemplares através do chamado Kit Puma: o proprietário entregava o conjunto chassi/mecânica (aliás de VW Brasília!) e a fábrica montava o carro. Nessa época a Puma já havia sido vendida para a Araucária e a fábrica foi transferida para o Paraná.

Mas voltando ao nosso Puminha azul caribenho, ainda de acordo com a postagem, ele já está por lá há muito tempo: pertenceu ao pai do atual proprietário, Jeffrey, durante 20 anos. Provavelmente foi importado zero km. A Puma exportou muitos carros. Pena que dele publicaram apenas três fotos.

Fotos: Gabriel Gonzalez – Eurocrew
Texto e edição: Fernando Barenco


Veja também

Espalhe por aí!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

ANUNCIE GRÁTIS!