Clássicos em video

Passo a passo, como converter um Karmann Ghia em elétrico

Você toparia converter seu VW refrigerado a ar? Nesse vídeo bem explicadinho, saiba o passo a passo de como converter um clássico VW ‘air cooled’ num moderno carro elétrico com motor Tesla

O carros elétricos chegaram definitivamente para ficar. As principais marcas mundiais estão investindo pesado nessa tecnologia. A Volkswagen, por exemplo, espera se tornar a maior fabricante de veículos elétricos do mundo. Inclusive acaba de anunciar que não irá mais investir no desenvolvimento de novos motores a combustão.

Muitos fãs de carros antigos — a maioria talvez — torce o nariz para essa modernidade. De fato, nada substitui o ronco do motor, a troca de marchas, a mancha de óleo na garagem, o cheiro de gasolina.

Mas é fato também que o futuro dos bons e velhos clássicos a combustão como veículos — “rodantes” — é incerto. Escassez de combustível, legislação e outros motivos ainda imprevistos, podem impedir que eles circulem. Por isso, nada nos resta a não ser começarmos a pensar num Plano B, se quisermos continuar curtindo nossos antiguinhos pelos próximos anos.

E não demorará para testemunharmos a participação cada vez maior de versões elétricas de clássicos em encontros de carros antigos.

Então, é hora de ir se inteirando sobre o assunto, para num futuro que pode ser bem próximo, converter aquele seu Volkswagen ar do século passado, em um moderno veículo padrão Século XXI.

Volkswagen Tesla

Um bom começo é assistir esse vídeo de cerca de meia hora que mostra nos mínimos detalhes como foi feita a conversão de um VW Karmann Ghia, usando um motor elétrico Tesla de última geração e componentes do famoso Prius, o híbrido Toyota.

O trabalho foi feito pela EV West, uma conversora com sede na Califórnia – EUA. É tudo muito didático e bem explicado, fazendo com que a conversão pareça algo muito fácil, limpo e rápido. Mostra um a um, todos os componentes usados e suas especificações, traz gráficos e esquemas e até uma detalhada configuração do instrumento que controla a parafernália. Que aliás, é instalado no painel do Karmann Ghia e combina perfeitamente com os instrumentos originais.

Dá até vontade de fazer tudo em casa! O problema ainda é o alto custo. A própria EV West vende em seu site o kit de conversão, que custa US$ 7.598, o equivalente a cerca de R$ 42 mil. Fora as baterias, que precisam ser compradas à parte. Aí fica pesado!

Texto e edição: Fernando Barenco


Leia também

Espalhe por aí!
  • 339
  •  
  •  
  • 8
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    347
    Shares

2 Comentários

Clique aqui para postar um comentário

ANUNCIE GRÁTIS!