Repórter Maxicar

Maverick do Raid da Integração Nacional retorna ao Museu Roberto Lee, após restauração

Maverick do Raid da Integração Nacional

Histórico Maverick 1973 foi abandonado e sucateado ao longo dos anos, após o fechamento do Museu Paulista de Antiguidades Mecânicas, de Caçapava. Restauração durou quase três anos e foi feita por voluntários

Em 1973 a Ford realizou, em parceria com a Embratur e o extinto DNER, o Raid da Integração Nacional. Três modelos Ford zero km — um Corcel, uma Belina e um Maverick (que acabava de ser lançado) percorreram todos os estados brasileiros. A caravana partiu no dia 8 de outubro do extremo sul do Rio Grande do Sul, chegando a Brasília 24 dias depois, tendo percorrido incríveis  16.755 quilômetros.

Após esse feito, o carro foi doado ao Museu Paulista de Antiguidades Mecânicas, com sede em Caçapava-SP.

Os Fords passando sufoco pelas “estradas” brasileiras

O Museu de Roberto Lee

Fundado em 1963 por Roberto Lee — um pioneiro colecionador de automóveis antigos do Brasil — o Museu Paulista de Antiguidades Mecânicas funcionou em Caçapava-SP até 1992. Composto de três galpões, chegou a abrigar um acervo de 150 automóveis, a maioria importados e alguns muito raros, como o único Tucker Torpedo do Brasil. Era uma das principais atrações turísticas da cidade.

Mas, em 1975 Lee foi vitima de um crime passional e — embora o museu permanecesse em funcionamento após a sua morte — seu acervo passou a ser alvo de uma disputa familiar. Grande parte dos automóveis acabou sendo vendida e a entidade entrou em franca decadência.

Roberto Lee

Com o fechamento definitivo, os 26 carros clássicos que sobraram ficaram abandonados e por décadas foram vítimas da umidade, da escuridão e do péssimo estado das instalações.

Entre esses carros estava o Maverick amarelo 1973 do Raid da Integração Nacional, que ao longo dos anos foi sendo totalmente sucateado por vândalos. Tudo o que podia ser carregado desapareceu, restando só parte da carroceria e a mecânica.

O Maverick na época do abandono e pouco antes de ser restaurado

O novo museu

A partir de uma iniciativa da Prefeitura de Caçapava, por volta de 2010 o Museu começou a renascer, com o resgate e limpeza do que restou do acervo, com a maioria dos carros necessitando de restauração, incluindo o Maverick. Ele foi rebatizado de Museu Roberto Lee e atualmente vem funcionando no Centro Cultural de Caçapava.

A restauração do Maverick do Raid da Integração Nacional

A chegada a Caçapava no último sábado, 17 de outubro de 2020

Em janeiro de 2018, numa iniciativa conjunta do Maverick Clube do Brasil, Centro Automotivo Lombardi, Tio Giuli Garage e Prefeitura de Caçapava — que contou também com uma campanha de financiamento coletivo e o apoio de muitos entusiastas, teve início a restauração do Maverick do Raid da Integração Nacional, que foi levado para São Paulo Capital.

Depois de quase três anos, o carro retornou a Caçapava no último sábado, 17 de outubro. O trabalho está praticamente finalizado, faltando somente detalhes de acabamento, como a grade frontal, frisos e peças do interior. A documentação ainda tem que ser atualizada. As placas continuam as originais, amarelas.

Todos os profissionais envolvidos no projeto trabalharam voluntariamente e muitas das peças necessárias foram doadas por entusiastas.

Texto e edição: Fernando Barenco
Fotos: Rodrigo Lombardi e arquivos de época

Espalhe por aí!
  • 1.2K
  •  
  •  
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    1.2K
    Shares

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário