Coberturas

XVI Poços Classic Car – Poços de Caldas, MG

Uma das mais badaladas edições

Foram quase 500 veículos reunidos no Parque, num dos mais aguardados e comentados eventos de antigomobilismo de 2023 até agora

No último fim de semana aconteceu a 16ª edição do Poços Classic Car, organizado pelo competente Clube do Automóvel Antigo de Poços de Caldas – MG. O evento de quatro dias (de 3 a 6 de agosto), criou grande expectativa, sendo um dos mais mencionados, comentados e compartilhados das redes sociais entre todos os encontros de carros antigos de 2023 até agora. E não decepcionou, já que tem sido também muito elogiado pelos expositores e publico participante.

De fato, a atmosfera e as belezas da cidade por si só já são um grande atrativo para o visitante. Somado a isso, há o arborizado e espaçoso Parque José Affonso Junqueira. Os diversos shows que aconteceram nos três palcos montados no próprio parque, em meio à exposição — algo que já é uma tradição no Poços Classic Car — sempre faz a cabeça da galera, sobretudo a mais jovem.

Por tudo isso, essa foi uma das melhores edições do evento, reunindo quase 500 veículos antigos, de todas as épocas, estilos e gostos. Não foi fácil, mas selecionamos aqui alguns para comentar. As fotos e o vídeo são de nosso amigo e colaborador Odair Ferraz.

Algumas atrações automotivas do Poços Classic Car

Uma fileira de Galaxies e seu derivados e um Conversível norte-americano


  • Família Galaxie – Estacionados bem em frente ao Palace Hotel, os modelos da “Família Ford Galaxie” — Galaxie 500, LTD e Landau — com diversos exemplares davam às boas-vindas a quem chegava no local do evento. Para completar havia ainda, nos arredores, um estupendo Galaxie 500 Conversível 1966 fabricado pela matriz norte-americana da Ford. Neste mesmo ano, nosso Galaxie foi apresentado oficialmente ao público, durante o V Salão do Automóvel de São Paulo. Mas o lançamento somente aconteceu em abril do ano seguinte.

A partir do alto: Chevrolet Impala SW, Oldsmobile Super 88, Pontiac Bonneville e Cadillac Serie 62


  • GMs Importados – O Poços Classic Car 2023 foi generoso em Chevrolets produzidos entre os anos 1920 e 60. Entre o grande leque de opções, selecionamos por puro gosto pessoal o Bel Air Sedan 2 portas 1955, o Impala SS 1961 e o Impala Station Wagon 1965. Para quem, na época queria algo um pouco mais sofisticado, que tal um Oldsmobile Super 88 1952, um Pontiac Bonneville Conversível 1964, ou até mesmo um Cadillac Serie 62 Conversível 1959?
    Mas você pode conferir outros modelos incríveis da General Motors e de outras marcas na Galeria de Imagens ou assistindo o vídeo aí em cima!

A partir do alto, os Karmann Ghias alemães e a interminável ala de nacionais

VW Voyage LS 1.6 1986
R$ 50.000,00

FNM Jk 2150
R$ 135.000,00

R$ 45.000,00

R$ 215.000,00

MG TD 1953
R$ 190.000,00

VW Fusca 1964
R$ 39.000,00

VW Fusca 1300L 1977
R$ 35.000,00

R$ 32.000,00

R$ 80.000,00

R$ 49.000,00


  • VW Karmann Ghia – Um dos modelos nacionais com maior representatividade no evento, que recebeu pelo menos duas dezenas desse apaixonante esportivo “air cooled” de fabricação nacional. E para completar o timaço, havia exemplares alemães também: um Cabriolet 1971, um pouco conhecido Type 34 1965, além de um raro 1957, com suas particularidades, como por exemplo a gradinha dianteira menor, os paralamas e faróis de formatos diferentes e a lanterna traseira quadrada.

Plymouth Barracuda 1967 e Ford Fairlane 500 Skyliner


  • Plymouth Barracuda 1967 – Este modelo da 2ª geração pode não ser o mais desejável do Barracuda, mas é certamente mais raro, aqui no Brasil pelo menos. O modelo teve seu ápice de 1970 a 1974, ano em que deixou de ser produzido. O Plymouth Barracuda é considerado o precursor dos “Pony Cars”— carros compactos (para os padrões norte-americanos), potentes e de estilo despojado e esportivo. É que a Chrysler conseguiu sair na frente da Ford, lançando o Barracuda no dia 1º de abril de 1964, quinze dias antes do aguardado Mustang, que se tornou um ícone do segmento.
  • Ford Fairlane 500 Skyliner – Enquanto isso, direto de 1959, esse Ford dá um show de tecnologia, com seu teto rígido conversível, que graças a um complexo sistema elétrico, baixa a capota, a escondendo no porta-malas com o simples toque de um botão. Em 60 segundos! O complexo mecanismo conta com sete motores e utiliza nada menos que 185 metros de fiação. Incrível até nos dias de hoje.

Dodge Charger R/T norte-americano, Chevrolet Chevelle e Dodge Charger R/T nacional


  • Muscle Cars – Para os entusiastas dos “Muscle Cars”, um leque de opções, sendo impossível escolher. Entre eles Chevrolet Camaro RS Conversível 1967, Dodge Charger R/T 1968, Chevrolet Chevelle Conversível 1971, Chevrolet Corvette 1977, entre outros. E ainda os representantes brasileiros do segmento: Dodge Charger R/T e Ford Maverick GT.

Enormes cavalos mecânicos, o Scania “jacaré” de Petrópolis e o raro GMC dos anos 1940


  • Pesados – Quem frequenta o Poços Classic Car sempre espera ver belos caminhões e cavalos mecânicos, já que o evento tem grande tradição nesse segmento. Esse ano, entre os gigantes da Peterbilt e Kenworth nos chamou a atenção o Scania Vabis L75 “Jacaré” 1960, mas não pelo tamanho e sim pela distância percorrida: ele foi rodando de Petrópolis-RJ, distante 600 km de Poços de Caldas. Curtimos também o impecavelmente restaurado e raro caminhão de pequeno porte GMC 1946 1.5 Ton, modelo muito similar ao popular Chevrolet Gigante.
  • Chandler – Certamente o mais raro automóvel do evento. Esse “calhambeque” conversível de quatro portas fabricado em 1928 é similar ao popular Ford Phaeton da mesma época. No entanto, a marca Chandler era destinada à classe média/alta, com modelos de qualidade superior. Mas durou pouco: criada em 1913, foi extinta em 1929. Isso dá uma dimensão da preciosidade que é esse carro. Só não curtimos as rodas menores que as originais, com pneus radiais modernos.

O raro Chandler e duas gerações do Ford Thunderbird


  • Fords Thunderbird – Cena rara ver lado a lado em encontros de carros antigos duas gerações desse elegante esportivo da Ford. O vermelho, fabricado em 1957 (apesar da placa!) é da primeira. O azul, é da quarta geração, produzido em 1965. Já publicamos uma reportagem sobre a metamorfose pela qual passou o Thunderbird ao longo das décadas.

Um inacreditável quarteto de Kombis de 6 portas


  • VW Kombi – Entre os muitos exemplares desse utilitário da moda no mundo inteiro, havia não uma, nem duas, nem mesmo três, mas quatro Kombis da rara versão de 6 portas na edição 2023 do Poços Classic Car: três mais antigas, da geração batizada de “corujinha” (até 1975), além de uma da geração seguinte, a “clipper”.

A linha do tempo dos Simca


  • Simcas – Um evento dentro do evento: assim foi a participação desses queridos automóveis brasileiros da extinta marca de origem francesa. O Poços Classic Car promoveu um mini encontro nacional de Simcas, com uma linha do tempo em destaque no gramado em frente ao Palace Hotel, incluindo um Esplanada, já de fabricação Chrysler. O luxuoso modelo Presidence 1960 ficou estrategicamente estacionado ao contrário, para poder exibir orgulhoso seu “Kit Continental”.

Pumas GTS e GTB, Miura Sport e Santa Matilde 4.1


  • Foras-de-serie brasileiros – Não poderiam faltar os esportivos nacionais de baixa produção, produzidos entre as décadas de 1960 e 80. Pumas GTE, GTS e GTB; Miura Sport, Santa Matilde 4.1 em versão conversível, entre outros.

Os dois DKW anunciaram o Blue Cloud, que acontece no final do mês


  • Blue Cloud – Dois DKW-Vemag Belcar lembraram aos visitantes que no final do mês tem mais encontro de carros antigos em Poços de Caldas. O tradicional evento monomarca Blue Cloud, acontece entre os dias 24 e 27 de agosto, no mesmo local. Em sua 19ª Edição, irá homenagear o 1000 SP, esportivo alemão com mecânica DKW “inspirado” no Ford Thunderbird.

Redação e edição: Fernando Barenco
Fotos e Video: Odair Ferraz

Deixe seu comentário!

CADASTRE SEU WHATSAPP PARA RECEBER.

Novidades dos Classificados

Volta Redonda 2024