10 Perguntas ao Presidente, com Fatima Barenco

Marília Deliperi – Monza Clube de São Paulo, SP

Monza Clube

Blogueira, mãe, mecânica e presidente…

Mãe, esposa, mecânica, blogueira, supersimpática e um perfil eclético… Ela nos fala com muito orgulho de sua paixão pelos carros e pelas filhas.

“Desde pequena, os carros antigos sempre me roubaram a atenção. Meu avó Derval Correa foi o principal “culpado” de toda essa paixão que tenho hoje. Apesar de jovem, sou mamãe de 4 lindas princesas. Eu comecei a trabalhar com carros em 2012, que foi quando puder conhecer a minha melhor versão como mulher, a de ser mãe. Na época, entrei por necessidade e sem saber sequer nada de mecânica. Com o tempo o interesse por esse mundo masculino foi tomando conta de mim. Foi através dos carros antigos que conheci meu esposo Ronaldo Deliperi. Na época, dono do meu primeiro amor, um Monza SL/E 1991.

Minhas filhas já estão sendo contaminadas também pela ferrugem. As gêmeas Esther e Estella, atualmente com 11 anos, gostam de me ajudar a lavar e passar cera no carro e curtem bastante os carros modificados esteticamente. Sophia, de 10 anos, já curte mais a parte interna. Percebo já sua curiosidade quando o assunto é parte mecânica.

A Lívia foi contaminada na barriga (risos). Ela sempre foi aquele tipo de menina que não curte boneca. O negócio dela sempre foram os carrinhos e caminhões. Adora um barulho de motor e hoje aos 7 anos, tem seu cargo já como minha ajudante de mecânica. Ela conhece todas as chaves e sem contar que adora ficar me enchendo de perguntas quando estamos embaixo do carro. Acho que mais um pouquinho, já posso montar uma oficina (risos).”

Iniciando o ano de 2023 tenho o imenso prazer de bater um papo descontraído com a amiga presidente do Monza Clube de São Paulo Marília Deliperi.

Em primeiro lugar queremos conhecer a história do Monza Clube. Quando e como surgiu?

Willys Rural 4X2 1968
R$ 74.000,00

Ford Escort XR3 1992
R$ 29.900,00

FNM Jk 2150
R$ 135.000,00

R$ 49.000,00

VW Kombi 1973
R$ 150.000,00

FNM 2000 JK
R$ 120.000,00

Mercedes-Benz 300 SL 1992
R$ 195.000,00

VW Fusca 1964
R$ 39.000,00

Alfa Romeo 2300 Ti4 1985
R$ 95.000,00

R$ 80.000,00

O Monza Clube hoje é um dos clubes mais importantes do país na preservação da história desse modelo. Somos pioneiros quando o assunto é clube de Monza. O Monza Clube iniciou suas atividades em 17 de outubro de 1999 como um clube automotivo em homenagem ao Chevrolet Monza, veículo fabricado pela General Motors do Brasil entre os anos de 1982 e 1996. Na época as redes de computadores estavam começando a se popularizar no Brasil. Foi através de uma única publicação na página virtual que demos início a essa grande família que nos tornamos hoje. O Monza Clube conta hoje com milhares de associados no Brasil, além de fãs em outros países da América Latina. Cerca de 10 mil veículos já marcaram presença nos eventos realizados até hoje. Foi através desses encontros que hoje contamos com o reconhecimento da General Motors do Brasil. Ao longo desses 24 anos, tivemos a nossa trajetória registrada e publicada em diversas revistas automotiva e livros dedicados ao modelo Chevrolet Monza.

Monza Clube

Momento do primeiro Encontro Nacional


Não são muitas as mulheres à frente da presidência de um clube de carros antigos, onde a predominância é masculina. Como tem sido a sua trajetória à frente do Monza Clube?

Confesso que é supertranquilo. Eu já venho nesse meio de carros desde 2012, que foi quando comecei a colocar a “mão na massa”, na época com 16 anos. Faço parte de vários grupos e quando possível estou nos eventos. À frente do Monza Clube não tive problema algum. Sempre me tratam com respeito, igualdade e reconhecimento, afinal não é o gênero que determina o que gostamos de fazer. Hoje ocupo a posição de presidernte do clube, por escolha e confiança dada a mim.

Eventos anuais, mensais… que atividades o Monza Clube realiza?

O Monza Clube desde a sua fundação em 1999 realiza eventos beneficentes, com o principal objetivo que é a arrecadação de alimentos e itens de higiene pessoal, para doação em instituições de caridade. Até o momento cerca de 10.000 veículos já marcaram presença em nossos encontros e mais de 15 toneladas de alimentos arrecadados e entregues as instituições que apoiamos. Realizamos 4 eventos por ano, incluindo o Encontro Nacional e não só restrito aos nossos eventos, participamos também como convidados e realizamos passeios com os associados.

Muito engajamento nos eventos organizados pelo Monza Clube


No quadro de associados do clube qual é o número das mulheres?

Contamos hoje com 20 monzeiras oficialmente associadas. Todas as outras mulheres presentes são esposas dos associados. Como o clube tem um perfil bem família, sempre temos nossas meninas presentes.

Nos encontros ouvimos muitas histórias do quanto significa determinada marca de carro para uma pessoa, das lembranças de infância e de muitas outras recordações. De onde vem sua paixão pelos carros antigos? E qual o seu xodó sobre rodas?

Saudades do Monza 1991


A marca Chevrolet representa muito para mim. É dela que me vem as lembranças do meu querido avô, que infelizmente não está presente mais na minha vida. As histórias que ele me contava sobre a sua frota de Opalas, na época em que era taxista, foi um ponto inicial para o mundo dos antigos.

Anos depois o destino meu trouxe novamente para a marca, e daí então, a ferrugem entrou no sangue de vez (risos). Em 2015, conheci meu esposo e seu magnifico Monza SL/E 1991 vinho. Eu me apaixonei pelo carro e então nasceu a paixão pelo modelo. Bancos em veludo, confortável, carro confiante e pau para toda obra. Estava com ele já há 10 anos e pude ter o privilégio de ter aquele Monza na minha vida por mais 4 anos.

Hoje, mesmo após a venda o Monza SL/E 1991, ele continua sendo meu primeiro e eterno amor. Assim que possível, comprarei ele de volta. Atualmente, não fugindo da marca, sigo com meu xodozinho Astra Advantage 2011. Carro espetacular também. Digo que é apenas uma atualização do Monza, mas confesso que a minha queda pelo Chevrolet Monza não se compara.

Com o marido Ronaldo e o Monza 1991


Nos conte um fato marcante para você em uma das edições de seus eventos que mereça destaque.

Todos os eventos realizados pelo Monza Clube foram muito importantes para seu crescimento. Os Encontros Nacionais realizado nos anos de 2003, 2004, 2005, 2014 e 2016, foram o nosso ponto forte e são sempre marcados por destaque. Mas há duas edições que mais se destacaram: o Encontro Nacional realizado no ano de 2005 na Barra Funda – SP — cuja edição reuniu mais de 500 exemplares de Chevrolet Monza — e o realizado no ano de 2014 na Concessionaria Primarca em São Caetano do Sul – SP.

Nos conte um pouco sobre o seu lado de blogueira?

Está aí uma coisa que surgiu sem querer! Eu sempre curti mexer com carros né! E foi através das minhas postagens na minha página pessoal, que surgiu meu lado “blogueira”. Hoje reconheço a importância de cada postagem, pois foi através delas que ganhei amigos para a vida toda, sem contar com a gratificação em poder ajudar mais pessoas com atitudes simples.

Como é o relacionamento do Monza Clube com os outros clubes do modelo?

O Monza Clube tem um relacionamento de parceria com os outros clubes do modelo. Sempre que possível estamos presentes nos eventos dos clubes parceiros e eles marcando presença nos nossos. Afinal, somos todos uma família.

Participação do Monza Clube nos antigos encontros noturnos das terças-feiras, no Sambódromo de SP


Para quem quiser se filiar ao clube, como deve proceder?

A filiação ao Monza Clube é 100% gratuita. Contamos com as nossas redes sociais e com a nossa ficha de associação:

facebook.com/MonzaClube

instagram.com/monzaclubeoficial/

Nossa entrevista está terminando e deixo aqui com a palavra a amiga e presidente Marília Deliperi, a quem agradeço imensamente pela participação e por poder mostrar um pouco mais sobre os clubes brasileiros. O espaço é todo seu…

É um imenso prazer poder colaborar com o Maxicar. Está sendo muito importante para mim ter o privilégio de contar resumidamente um pouco da minha história no meio dos Carros Antigos. É de suma importância também para o Monza Clube poder contar um pouco de sua história e desafios de ser presidido atualmente por uma mulher. Que isso possa servir de exemplo para tantas outras meninas que assim como eu, são apaixonadas pelo Antigomobilismo.

Mais uma vez agradeço a oportunidade de poder estar aqui colaborando com as minhas histórias e do Monza Clube.

Deixe seu comentário!

CADASTRE SEU WHATSAPP PARA RECEBER.

Novidades dos Classificados

Volta Redonda 2024