MaxiBlog

B.A.T 5, 7 e 9: “Obras de arte” Alfa Romeo serão leiloadas em Nova Iorque

Alfa Romeo B.A.T

Trio de aerodinâmicos carros-conceito da década de 1950 poderá atingir US$ 20 milhões

A prestigiada casa de leilões RM Sotheby’s irá leiloar no dia 28 de outubro, em Nova Iorque, um trio de Alfa Romeos que segundo ela está “entre os automóveis historicamente mais significativos do mundo”.

Nomeados com a sigla B.A.T, que significa “Berlina Aerodinamica Tecnica”, esses três carros-conceito foram encomendados pela italiana Alfa Romeo ao Studio Bertone  para pesquisar os efeitos do arrasto nos automóveis, algo ainda pouco difundido naqueles distantes anos 1950.  

Todos têm projetos assinados pelo renomado designer Franco Scaglione. Em comum as grandes barbatanas, as aerodinâmicas carrocerias e o fato de terem sido construídos a mão sobre chassis do Alfa Romeo 1900.

O primeiro, batizado de B.A.T 5, foi apresentado no Turim Auto Show de 1953. Pesa 1.100 kg e tem coeficiente de arrasto de 0.23.

O B.A.T 7, lançado no ano seguinte, tem as maiores e mais extravagantes barbatanas traseiras e conseguiu obter o menor coeficiente de arrasto: apenas 0.19.

Apresentado também em Turim, em 1955, o B.A.T 9 é o menos exótico e o mais facilmente identificável como um Alfa Romeo entre os três concept-cars de Bertone. Destaque para os faróis convencionais e o inconfundível “cuore”, ausente nos demais.

Foram fabricados apenas um exemplar de cada um deles, todos aptos a rodar, algo que muitas vezes não acontece em carros-conceito. Vistos poucas vezes reunidos, atualmente pertencem a um único colecionador.

A estimativa é que essa trilogia artístico-automotiva seja arrematada por US$ 20 milhões. Detalhe: a venda irá acontecer durante um leilão de arte contemporânea e não de automóveis!

Texto e edição: Fernando Barenco
Fotos: RM Sotheby’s

Atualização em 29/10/2020: O trio alcançou no leilão o incrível de valor de US$ 14,8 milhões.

Espalhe por aí!
  • 201
  •  
  •  
  • 4
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    205
    Shares

1 Comentário

Clique aqui para postar um comentário