Coberturas

47º Encontro de Veículos Antigos Mooca Plaza Shopping – São Paulo, SP

Encontro Veículos Antigos Mooca Plaza Shopping

Quase 100 anos de história automotiva

De veteranos da década de 1920 a modernos superesportivos, teve de tudo em mais essa edição do tradicional evento da Capital Paulista

Organizado pela A.P.V.A.E.S.P – Associação dos Proprietários de Veículos Antigos do Estado de São Paulo – o 47º Encontro de Veículos Antigos do Mooca Plaza Shopping ocorreu no dia 21 de maio com a presença de 338 veículos num ensolarado e agradável domingo de outono.

Valorização dos Pré-Guerra

Muitos carros a comentar, mas começaremos pelos Pré-Guerra que vêm sendo, infelizmente, cada vez menos vistos nos encontros de antigomobilismo. Pedro Bergaro, dono de um dos quatro Fordinhos 1929 que estiveram presentes (foto principal) está empenhado a reunir na recém-criada Confraria Pré-Guerra os proprietários destes anciãos sobre rodas, grupo que já vem organizando passeios a fim de incentivar a colocar os velhinhos para rodar. Este time de Fordinhos ainda teve a companhia de um Ford DeLuxe Tudor Sedan 1940.

Na primeira foto, em primeiro plano, uma SW norte-americana das antigas: Bel Air Nomad 1956; na segunda, a dupla de Cadillacs dos anos 1960


Se aqui o domínio foi Ford, nos anos seguintes a Chevrolet deu o troco: Styleline DeLuxe Sedan 1951, 210 Sedan 1954, Bel Air Sedan 1955, Bel Air Nomad 1956 trazida recentemente dos EUA, Bel Air Sport Coupe 1960 e Impala Sport Coupe 1961. Ainda em casa, outra marca do grupo GM, a Cadillac esteve representada por três modelos: Série 62 conversível 1949 e 1962 e Série 62 Coupe Hardtop 1960, automóvel que custava U$4.892 no lançamento e teve 19.978 unidades produzidas nessa versão.

A ‘Era Collor’ e os importados

O sueco Volvo 960 e a turma de pequenos japoneses Daihatsu Cuore


Quem não se lembra da reabertura às importações de carros no final de 1990? Os automóveis nacionais chamados de “carroças” pelo então presidente Fernando Collor de Mello teriam a partir deste momento de abertura da economia aos importados a concorrência dos russos da Lada, a primeira marca a desembarcar por aqui. Um tanto irônico, não?!

R$ 80.000,00

VW Kombi 1500 Std 1974
R$ 45.000,00

R$ 215.000,00

Mercedes-Benz SL 500 1993
R$ 180.000,00

Willys Rural 4X2 1968
R$ 74.000,00

VW Kombi 1973
R$ 150.000,00

R$ 85.000,00

VW Brasília 1976
R$ 39.000,00

R$ 14.000,00

R$ 45.000,00

Outras marcas foram chegando em seguida, e vários carros que estiveram neste evento de maio no Mooca Plaza Shopping nos remeteram a esse período: Volvo 960 e Honda Accord EX de 1992, Alfa Romeo 164 3.0 V6 e BMW 318i Compact de 1995, ano este em que houve o recorde de importação de veículos com 321 mil unidades, Hyundai Galloper Exceed 3.0 V6 Wagon 1998 (o Mitsubishi Pajero da Hyundai), Mercedes-Benz SLK230 1998, Peugeot 306 XSi 1995 e S16 2000, Renault Laguna Nevada 1998 e nada menos que sete exemplares do Daihatsu Cuore, subcompacto japonês que tinha motor 0.8 de três cilindros em linha.

Esportivo italiano ou o potente quarteto, o que você prefere?


Um pouco mais modernos e potentes, Ferrari 360 Modena F1 2001 e Porsche Boxster S 2010 representaram os superesportivos. Por falar em esportividade, que tal Pontiac Firebird 1995, Corvette 1977, Mustang 1968 e Maverick GT 302 V8 1975 lado a lado? De quebra ainda havia um Pontiac Firebird Trans AM 6.6 1977 que passou a rodar em solo brasileiro há poucos meses e o pequeno Triumph Spitfire MK3 1968.

Nacionais anos 1960, 70 e 80

DKW Belcar, Pumas e VW Gol Star


Quanto aos nacionais, destacamos uma impecável picape Chevrolet D10 1000 1984, DKW Vemag Belcar S 1967, DKW Candango 2 1959 (o numeral “2” siginifica que tinha tração apenas nas duas rodas dianteiras, enquanto o modelo “4” tinha tração permanente nas quatro rodas), Ford Galaxie 500 1967, os esportivos Puma, MP Lafer e Karmann-Ghia 1970, Santana CD 1986 e Quantum GLS 2000 1989 e um Gol Star 1.8 1989, série especial que tinha preço da versão GL 1.6 e 52kg a menos que o GTS. Só não andava mais que o irmão esportivo devido a algumas diferenças no conjunto motor e câmbio. Possui grade e carcaça dos retrovisores pintadas na cor do carro, calotas brancas e lanternas traseiras fumê como no GTi. Foram produzidos 6.000 exemplares dessa primeira geração do Gol Star, disponíveis apenas nas cores Vermelho Tornado e Branco Star.

Ford T-Bucket e Chevrolet Roadster


Bem democrático, não faltaram nem mesmo os hot rods, veículos que são customizados ao gosto do proprietário. Dentre eles destacamos um Chevrolet Roadster 1931, um Chevrolet Fleetline 1951, um Ford Coupe 1947, uma picape Ford 1937 em fibra e um maravilhoso kit do Ford T-Bucket montado ainda nos anos 1990.

Infraestrutura

O mercado de pulgas se faz presente nos encontros mensais com barracas de peças, miniaturas e demais itens ligados ao mundo automotivo. Para suprir a necessidade alimentar, a cafeteria Rei do Mate abre cedinho nos dias de evento e quem ficar para almoçar, o restaurante Divino Fogão oferece desconto aos participantes do encontro. Os pets também são bem vindos, há inclusive uma praça de alimentação exclusiva para quem vai acompanhado de seus animais de estimação.

O encontro ocorre todo 3º domingo de cada mês, exceto em dezembro que não há devido à proximidade com o Natal. A entrada é feita pela Av. Henry Ford, bastando colaborar com dois quilos de alimentos por veículo e ele terá a isenção de cobrança de estacionamento do shopping. Ah, se porventura esquecer o alimento, o shopping possui supermercado. Localizado em Itaquera, distrito paulista, o Hospital Santa Marcelina foi a entidade contemplada com as doações de alimentos feitas nesse mês de maio. Então marque aí na sua agenda: o 48º Encontro de Veículos Antigos do Mooca Plaza Shopping acontecerá no dia 18 de junho de 2023 das 08h00 às 13h30 na Mooca, um dos bairros mais italianos de São Paulo.

Redação e fotos: Odair Adinei Dias Ferraz  – Visite sua Loja Virtual

Deixe seu comentário!

CADASTRE SEU WHATSAPP PARA RECEBER.

Novidades dos Classificados

Volta Redonda 2024