Repórter Maxicar

McPherson College: uma faculdade que forma restauradores de carros antigos

A graduação dura quatro anos e forma cerca de 40 profissionais anualmente. Além de oficinas, os formados na McPherson College trabalham em museus, lojas e empresas de leilões de carros antigos

Mecânico, lanterneiro, pintor, capoteiro… a restauração de carros antigos no Brasil sempre esbarra na grande dificuldade de se encontrar profissionais especializados. Não à toa, a recente pesquisa ‘Antigomobilismo no Brasil’ realizada pelo Maxicar no início desse ano, mostrou que nada menos do 70,4% dos 624 antigomobilistas que responderam ao questionário se queixaram dessa dificuldade. Só para citar um exemplo, aqui na Região Serrana do Rio de Janeiro, nos últimos anos várias famosas oficinas de restauração encerraram suas atividades ou diminuíram drasticamente o ritmo de trabalho pela imensa dificuldade em contratar bons profissionais.

McPherson College: formando restauradores de carros antigos há 40 anos

Enquanto isso nos Estados Unidos existe uma faculdade que há quatro décadas forma dezenas de profissionais na arte de restaurar automóveis, nas mais variadas especialidades que este mercado exige. É a McPherson College, que fica na cidade rural de mesmo nome, no estado do Kansas.

Ao lado de trinta outras especialidades, entre elas Psicologia, Sociologia, Administração de Empresas, Comunicação, Inglês, Educação Física, Política, Matemática, Música, Bioquímica e Administração Ambiental, a McPherson College se orgulha de ser a única dos Estados Unidos a oferecer o curso de ‘Bacharel em Tecnologia de Restauração Automotiva’. Vale aqui um comentário: não conhecemos nenhuma outra em todo o mundo.

McPherson College restauradores de carros antigos

Alunos do Curso de ‘Bacharel em Tecnologia de Restauração Automotiva’


Seu programa de restauração de automóveis começou por meio por acaso, em 1976, quando um empresário e colecionador local chamado Gaines ‘Smokey’ Billue doou sua incrível coleção de 125 carros antigos para a entidade. Parte deles foi vendida, gerando recursos para a construção das instalações e oficinas e implantação do curso, que inicialmente era de dois anos. A outra parte foi mantida e serviu de ‘matéria prima’ para as aulas práticas.

Muito mais que apenas oficinas

McPherson College restauradores de carros antigos

Os alunos aprendem várias disciplinas ligadas ao mundo do automóvel


Atualmente, cerca de 40 profissionais se formam a cada ano ao final de quatro anos de estudos. Mas o programa vai muito além daquelas especialidades profissionais que de fato colocam a ‘mão na massa’, como funileiros, pintores, mecânicos, eletricistas ou capoteiros. Forma profissionais completos. É que também fazem parte do currículo disciplinas como:

  • Tecnologia automotiva histórica – que trata da história da indústria automobilística mundial
  • Gerenciamento de restauração automotiva – para quem deseja montar seu próprio negócio
  • Comunicações Automotivas –  voltado para o design da web, a fotografia e as relações públicas
  • Projeto de restauração automotiva – para construtores, artistas automotivos e designers.

Assim, os profissionais formados pela McPherson College têm um grande leque de opções, num mercado que está em constante expansão. Prova disso é que nos últimos 5 anos, 85%  dos alunos participaram de estágios em museus, coleções particulares, empresas de leilões e lojas nos Estados Unidos e na Alemanha.

McPherson College: técnicas antigas, para carros antigos

Nas oficinas do Templeton Hall eles poem a mão na massa


A mágica acontece num espaço batizado de ‘Templeton Hall’, uma instalação de 10 mil M² que abriga o Programa de Tecnologia de Restauração Automotiva. Além das salas de aula — onde os alunos aprendem a teoria — estão as diversas oficinas e outras acomodações.

Ferramentas e equipamentos das mais diversas épocas e que utilizam as mais variadas tecnologias são usadas no curso. As técnicas de restauração ensinadas estão de acordo com a época em que o carro foi produzido. Métodos e ferramentas antigas, em carros antigos. Há por exemplo, tornos fabricados antes da II Guerra Mundial. Soldas de chumbo e estanho são largamente empregadas. Antigas técnicas de carpintaria muito difundidas. O mesmo acontece com materiais de acabamento, onde se procura usar somente aquilo que estava disponível na época da fabricação do carro que está sendo restaurado. Tudo para preparar o futuro profissional para encarar qualquer projeto.

Bolsas de Estudo

Jay Lenno no McPherson Colege

Desde 1997, Jay Leno (3º à esquerda) patrocina bolsas de estudo da McPherson College


Todos os alunos da McPherson College recebem algum tipo de ajuda financeira, através de bolsas de estudo. Esse programa só é possível graças à sua rede de patrocinadores. O apresentador e megacolecionador Jay Leno, por exemplo, instituiu em 1997 as bolsas ‘Fred S. Duesenberg’ e ‘Popular Mechanics Jay Leno’ e que mantém até hoje.

Patrocinadores

Diversas outras empresas e entidades financiam essas bolsas: Barrett-Jackson Auction Company, Meguiar Car Care Products, Fundação Pebble Beach Company,  Fundação Rolls-Royce, American Bugatti Club, Clube do Automóvel Antigo da América, Clube de Carros Clássicos da América, Fundação Collectors, Mercedes-Benz EUA, Clube Mercedes-Benz da América, Modelo-T Ford Club International, entre outras.

Além disso, algumas  patrocinam o chamado ‘Fundo de Experiência de Aprendizado’, que permite aos estudantes participarem de experiências fora do campus universitário, viajando para participar de exposições, leilões e visitar museus. Ano passado, por exemplo, um grupo de alunos visitou o famoso Pebble Beach Concours d ‘Elegance.

Ao longo do curso os alunos vão se especializando nas mais diversas áreas 


Quase todos os professores possuem curso de mestrado e são ex-alunos  da McPherson College. E graças ao ‘Fundo de Desenvolvimento Profissional’ — também patrocinado pelas empresas listadas acima — podem participar de experiências extraclasse, indo a seminários, fazendo cursos extracurriculares, conhecendo museus e coleções por todo os Estados Unidos.

McPherson College restauradores de carros antigos

Nos Cursos de Verão, há alunos com os mais variados perfis


E nas férias, acontecem os Cursos de Verão, com aulas práticas nas mais variadas especialidades, abertos a pessoas de qualquer idade e formação.  Ministradas pelos mesmos professores do curso de graduação, tem duração média de cinco dias e são muito procurados por aqueles mecânicos de fim de semana.

C.A.R.S Show, uma vitrine

CARs Show - McPherson College restauradores de carros antigos

O C.A.R.S Show é um mega evento anual organizado pelos alunos


Anualmente acontece no Campus da McPherson College o C.A.R.S Show, uma exposição de automóveis antigos, que em 2019 foi em maio e reuniu nada menos de 400 veículos antigos. O evento é organizado pelo C.A.R.S (College Automotive Restoration Students) Club, que é dirigido pelos próprios estudantes.

O clube oferece aos alunos a oportunidade de compartilhar sua paixão por automóveis fora da sala de aula. Nesse evento, os estudantes aproveitam para mostrar seus projetos de restauração concluídos e aqueles em andamento. É uma vitrine que abre portas para o mercado de trabalho.

Peeble Beach

A principal meta dos alunos é levar o prêmio maximo no Pebble Beach Concursos d’Elegance


Os membros do clube podem participar de vários eventos ao longo do ano, incluindo exposições de carros e viagens a museus e coleções particulares.

E os objetivos desses futuros restauradores são sempre ambiciosos. Até 2023, por exemplo, pretendem competir e vencer o Pebble Beach Concursos d’Elegance com um automóvel restaurado na McPherson College. Ninguém duvida que consigam!

Texto e edição: Fernando Barenco
Fotos: Divulgação

O Antigomobilismo no Brasil – Conheça o resultado da pesquisa

Espalhe por aí!
  • 88
  • 1
  •  
  • 3
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    92
    Shares

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Novidades dos Classificados