Ambrela
10 Perguntas ao Presidente, com Fatima Barenco Conteúdo Nossos Colunistas

RAFAEL ZANETI GONÇALVES – Clube do Fusca de Poços de Caldas – MG

Cinco anos de paixão e filantropia

Corretor de imóveis, com seus 28 anos, há dois preside o Clube do Fusca de Poços de Caldas em Minas Gerais, que neste mês de setembro comemora seu 5º aniversário. Um clube muito atuante e cujo lema principal é o dos trabalhos filantrópicos, que tanto orgulham a sua diretoria. A luta pela preservação da tão cobiçada placa preta é também um marco em seu clube. Neste mês converso com Rafael Zaneti Gonçalves apaixonado pelo nosso tão adorado Fusquinha!!

 

Maxicar precisa de seu apoio

Nos conte um pouco sobre como surgiu o Clube do Fusca de Poços de Caldas

     O papel do presidente é algo importante sim, mas secundário perto dos exímios trabalhos realizados por todos os associados que únem forças para manter nosso sucesso.

Rafael – O surgimento do Clube do Fusca de Poços de Caldas-MG se deu por conta de um saudável fanatismo e porque não dizer, paixão, pelo modelo VW Fusca. Era um grupo de 5 amigos que na época, ou seja, em 2005, resolveu discutir a possibilidade de fundar um clube e trazer demais aficcionados pelo VW. Por ordem do destino e da constante labuta surgiu o Clube do Sedan e Autos Antigos do Sul de Minas, cuja fundação se deu exatamente no dia 12 de setembro de 2005 e seu “batizado” foi oficializado com um belo evento na cidade de Poços de Caldas-MG.

Assumir a presidência de um clube é…

Rafael – Uma tarefa difícil que exige não só conhecimento específico sobre o mundo VW, mas também coordenação, perspicácia e, principalmente, amor pelo exercício constante desta tarefa de gerenciamento. Uma visão macro do clube o fez e o faz um dos grandes clubes de nosso país e algo que muito nos orgulha. O papel do presidente é algo importante sim, mas secundário perto dos exímios trabalhos realizados por todos os associados que unem forças para manter nosso sucesso. Além do mais, não posso deixar de ressaltar a necessidade de manter minha paixão pelo Fusca 1964 que possuo. Ele é meu combustível nesta jornada!

Este mês o clube esta comemorando seu 5º aniversário, grandes realizações, tristezas e alegrias. Nos fale sobre essa trajetória..

Ao lado da esposa, grande incentivadora

Rafael – Não vejo nestes 5 anos tristezas em nosso clube, mas sim sucessos e alegrias e talvez algumas frustrações por não conseguirmos realizar todos as tarefas que o clube gostaria de fazer e faz questão de honrar. Sabido é que o clube possui, no mínimo, cinco ações sociais por ano, todos voltadas para a comunidade poçoscaldense de baixa renda. É papel crucial do Clube e um dos modelos seguidos seu trabalho filantrópico que nestes anos têm ajudado mais de 1.000 pessoas direta e indiretamente.

Um momento marcante para seu clube.

Rafael – Na verdade temos dois momentos muito importantes: no ano de 2005 passamos de uma simples reunião de amigos para tornarmos um clube legalmente constituído. E no mesmo ano o credenciamento junto ao Denatran, o que nos possibilitou realizar vistorias para emissão do certificado de originalidade, a Placa Preta. Tais fatos são dignos de nota e honra, como sinais de um trabalho competente e árduo.

Vocês realizam inúmeros trabalhos na área social, nos fale sobre esses projetos.

Rafael – Como já disse, nosso clube é voltado para trabalhos de natureza filantrópica. Todos os associados têm em mente o prazer de exercer sua cidadania e ajudar aqueles que menos têm acesso a sistemas básicos de saúde, educação e principalmente, alimentação. Nossas ações sociais são voltadas para pessoas de baixa renda, idosos, crianças e famílias que não possuem algum tipo de assistência do poder público. A cada ação social bem realizada nos sentimos honrados e certos do dever cumprido.
Placa Preta. O assunto mais polêmico no meio antigomobilístico. Gostaríamos de ouvir as suas considerações sobre o assunto.
    Infelizmente muitos clubes no país não atendem a estes requisitos, mas lutamos sempre e denunciamos, quando podemos, aqueles que burlam as normas previstas no CONTRAN.

Rafael – Realmente este assunto é muito polemico. O Clube do Fusca de Poços de Caldas segue à risca o que determina a lei do CONTRAN para atender o que determina o veiculo de coleção. Infelizmente muitos clubes no país não atendem a estes requisitos, mas lutamos sempre e denunciamos, quando podemos, aqueles que burlam as normas previstas no CONTRAN. A tarefa de emitir certificado de originalidade não é fácil, pois exige conhecimento técnico daqueles que avaliam e também senso de cidadania para não se deixar corromper a pedidos absurdos. Pagar apenas não é o nosso interesse, mas sim avaliar e certificar veículos antigos que possuem originalidade. É bom ressaltar que, como não existe uma fiscalização por parte dos órgãos competentes, muitos abusam do “poder”, emitindo certificados sem o mínimo de critério. Existem inúmeros clubes e vistoriadores mal preparados.A placa preta é uma grande conquista para os amantes do antigomobilistas e deve levada a serio!

Fusca é paixão nacional. O que esse carrinho tem de tão especial?

Seu Fusca 1964

Rafael – O modelo estrutural e seus aspectos por si só já falam e trazem esta paixão. Não há quem resista ao formato do VW e muito menos quem não se apaixone pela simplicidade do carro. Dirigir um Fusca é algo ímpar no cenário do automobilismo e exige, de fato, amor pelo carro.

A quem gostaria de prestar uma homenagem?

Rafael -Muitas pessoas foram e continuam sendo importantíssimas para o clube nestes cinco anos de existência, sejam elas atuais, ex-associados ou amigos de outros clubes. Mas três destas pessoas merecem destaque:
– Alexander Gromow
– Edivaldo Fernandes (Edi – Fusca Club ABC)
Juliano Dalla Rosa (Fundador do clube, e cabeça de tudo que o clube faz)
Falar sobre o Alexander Gromow e o Edi é muito fácil, pois são pessoas fantásticas que merecem nosso respeito e admiração, pois nesse círculo não existentes pessoas tão capacitadas e receptivas como estes dois nobres amigos!
Saliento ainda o apreço pelo Clube do Fusca de Uberlândia, Fusca Clube Brasil, Clube do Carro Antigo de Poços de Caldas (eterno parceiro) e demais clubes da região que sempre nos prestigiam.

Como todo antigomobilista tem um xodó sobre rodas, qual é o seu? Aproveitando, nos conte um fato pitoresco a bordo dele.

A multa acabou virando motivo de orgulho

Rafael – Tenho um Fusca 1964 e um TL 1971. Sem duvida tem um fato que vai marcar para a vida toda, que é o meu casamento, que o Fusca não poderia estar de fora deste fato tão importante, e a noiva fez questão de ir de Fusca e negou vários “carrões”, para poder ir neste carro que tem tanta importância em nossa vida. Quando comprei o carro ela não gostou muito da idéia, mas hoje é doida pelos dois carros. Quando falei em vender o TL, ela quase me matou!

Viajamos muito com o clube, e em uma destas viagens levei uma multa a 120 km no Fusca 1200. Muita gente duvida e faz piada do fato, mas até enquadrei a multa com foto e tudo, que serve de troféu desta proeza, que às vezes repito, mas tomo cuidado com as multas!

Nossa entrevista esta terminando e deixamos aqui com a palavra o presidente Rafael Zaneti, a quem agradecemos pela grande colaboração ao Portal Maxicar, e parabenizamos pelo aniversário de seu clube.

Rafael – Primeiramente, não posso deixar de agradecer a vocês do Portal Maxicar pelo brilhante trabalho que desempenham, e a parceria que possui conosco na cobertura de vários eventos. Ainda, quero reforçar meu carinho por todos associados e colaboradores do Clube do Fusca de Poços de Caldas, pois sem estes não estaríamos sequer sendo lembrados e vistos como motivo de orgulho. Sabemos que há um enorme caminho a ser percorrido e seguido por alguns exímios clubes deste país, mas nossa meta é batalhar e chegar lá, sempre pautados no espírito de ajuda ao próximo e colocando o VW Fusca como um motivo de orgulho.

Agradeço, enfim, a todos os amigos, colaboradores, parceiros e todos aqueles que fazem do nosso clube uma entidade voltada para o lazer e para o resgate da história do VW Fusca no Brasil e no mundo.

 

Espalhe por aí!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Fernando Barenco

É editor do Portal Maxicar. Emails para essa coluna: fernando@maxicar.com.br

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Novidades dos Classificados

Informativos pelo WhatsApp