MaxiBlog Nota de Falecimento

O automobilismo brasileiro perdeu Bird Clemente

Bird Clemente

Ele foi um dos maiores expoentes brasileiros da era romântica das pistas, quando o que valia mais era a perícia e coragem dos pilotos

Morreu na madrugada do dia 2 de outubro o ex-piloto Bird Clemente, aos 86 anos.

Paulistano, nascido em 1937, iniciou sua carreira nas pistas em 1959 nas Mil Milhas, pilotando um DKW em dupla com o amigo Ciro Cayres. Um ano antes tentou participar da mesma prova. No entanto o carro escolhido — um Fiat — quebrou e ele nem teve a oportunidade de pilotá-lo.

Foi piloto das famosas equipes DKW-Vemag e Willys nos anos 1960 e Ford nos 1970. Correu também de Opala, com o qual bateu um recorde de velocidade em 1970: 232 quilômetros por hora. Ao longo de 15 anos, construiu uma carreira vitoriosa e é considerado um dos maiores pilotos brasileiros de todos os tempos.

Em 2010, tivemos a honra de ter Bird Clemente como nosso primeiro entrevistado na seção Roda de Amigos. Para a sabatina convidamos alguns de seus amigos e admiradores.

“Apresento-me como um contador de casos, que se limita a passar aos leitores os fatos e momentos pitorescos que ocorreram entre as eras de Chico Landi e Emerson Fittipaldi.” Assim ele se definiu na ocasião.

VW Brasília 1976
R$ 39.000,00

VW Fusca 1200 1965
R$ 49.000,00

R$ 85.000,00

R$ 45.000,00

Fiat Coupê 1995
R$ 60.000,00

VW Kombi 1500 Std 1974
R$ 45.000,00

FNM Jk 2150
R$ 135.000,00

R$ 80.000,00

Deixe seu comentário!

CADASTRE SEU WHATSAPP PARA RECEBER.

Novidades dos Classificados

Volta Redonda 2024