Coberturas

4ª Exposição de Veículos Antigos de Betim-MG

Show de preservação na capital mineira do automóvel

Cidade sede da Fiat no Brasil mostra que não sabe apenas fabricar carros

O estacionamento do Ginásio Poliesportivo de Betim – MG, recebeu no último domingo, 2 de junho, uma grande festa e um igualmente grande público na 4ª Exposição de Veículos Antigos, que contou com espaço vintage, shows memoráveis, exposição de bicicletas antigas, espaço kids e uma grande praça de alimentação.

Concorrida praça de alimentação e até barbearia


A entrada era franca para o público, mas os expositores, ao entrarem doavam um pacote de fralda geriátrica que o Vintage Motors Club — organizador do evento — destinará a pessoas carentes atendidas pela instituição social ORCCA.

Victor Hugo e Caio

O presidente do clube, Victor Hugo Lisboa Lopes Rodrigues, acompanhado pelo diretor da FBVA, Caio Mário Baptista Pereira, promoveu durante o evento a entrega de prêmios a veículos que despertaram notoriedade como o Fiat 147 1977 de Cleber Amorim, de Belo Horizonte, que recebeu os prêmios ‘Destaque Fiat’ e ‘Destaque Originalidade 1º lugar’. Com o auxílio de Pino Marinelli, um dos fundadores da Fiat no Brasil, o proprietário apurou que o número do chassi mostra que ele foi montado no terceiro mês de produção da fábrica.

Acima, o ‘filho da terra’ Fiat 147 premiado. Abaixo, Styleline 1951, Opala 1969 e moto Yamaha 75 cc

Outros carros chamavam à atenção como a caminhonete Dodge D 100 1975 com uma motocicleta Yamaha 75 em sua caçamba, o Chevrolet Styleline 1951 e o Opala 3800 ano 1969, todos de Betim.

De muito longe compareceu Daniel Evangelista com seu Fusca HoodRide 1968 do clube ‘Carcaças da BR’, de Guarapari-ES. Presentes também muitos clubes de motociclistas da Grande BH.

A turma do ES

O grande número de Opalas chamava à atenção. O diretor do Vintage, Djalma Altran, nos explicou que o clube nasceu de outro, o ‘Opaleiros sem Rumo’, por isso, a grande quantidade do modelo, de todas as épocas de sua fabricação. Ele também nos informou que a realização deste grande evento só foi possível com o apoio de vários patrocinadores e da prefeitura de Betim, que cedeu o Ginásio Poliesportivo, um caminhão-palco com shows ao longo do dia e a segurança da Guarda Municipal.

Apesar de ser a cidade da Fiat, um grande número do clássico da Chevrolet


Chegando em Betim pela Rodovia Fernão Dias nos deparamos com a 2ª maior montadora de veículos do mundo da atualidade. E chegando a essa exposição nos deparamos com um grande número de carros antigos bem preservados com placas da cidade anfitriã. A conclusão é que Betim não sabe apenas fabricar veículos novos, sabe conservar antigos também!


GALERIA DE IMAGENS


Texto e Fotos: João Baptista Jorge Pinto Filho
Edição: Fernando Barenco

Espalhe por aí!
  • 418
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    418
    Shares

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Novidades dos Classificados

Informativos pelo WhatsApp