Conteúdo Fatima Barenco Nossos Colunistas

MARCO REBULI – Kombi Clube Curitiba – PR

“Avalio o antigomobilismo como o próprio veículo antigo, que a cada ano que passa causa mais interesse no povo brasileiro”

Que ele gosta e muito de carros antigos, ninguém pode negar. A família já está pra lá de contaminada pela ferrugem. Como ele mesmo diz: “Sou como um VW Antigo, rodado, bem conservado, chamo a atenção aonde paro, tenho uma família linda, esposa que me apóia e participa, filho e filha que também estão sempre junto comigo, sou econômico, quando não estou gastando em acessórios para minha Kombi, meu Fusca e meu Fiat 147. Tenho como objetivo unir todos os clubes de VW do Brasil em uma futura Federação.” È nesse clima alegre e descontraído que tenho a honra de conversar com um amigo, parceiro do Portal Maxicar e Presidente do Kombi Clube de Curitiba, Marco Rebuli.

  Fale sobre o Kombi Clube Curitiba. Quantos sócios possui?

   Ano passado neste evento realizamos com elas um feito inédito no Brasil, o KOMBI VW LOGO DAY

Marco Rebuli – Kombi clube Curitiba foi criado pela necessidade de termos em Curitiba um clube para amparar e representar a jovem senhora chamada Kombi, nos eventos, exposições e encontros do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Um local para que as kombis pudessem se encontrar e seus proprietários pudessem compartilhar seu carinho com os inúmeros apaixonados deste pão de forma (como é chamado em Portugal) que ajuda até no progresso do Brasil (ela só e fabricada aqui ainda).
Temos atualmente Curitiba e Região metropolitana cerca de 70 kombis Associadas, más a nivel Brasil e paises vizinhos já atingimos 357 Associados, participantes do projeto “Salvem as Kombis”.

Logomarca Volkswagen formada por Kombis. Evento realizado em 2011

 Que atividades realizam?

Marco Rebuli –Encontros mensais em local exclusivo no centro cívico de Curitiba, junto com os fuscas e derivados do Fusca Mania Clube Curitiba.
Encontro anual, o maior do Brasil, com mais de uma centena destas velhas senhoras sempre na comemoração de mais um não de fabricação dela no Brasil.

Ano passado neste evento realizamos com elas um feito inédito no Brasil, o KOMBI VW LOGO DAY, onde posicionamo-las de forma a cria um mosaico gigante de Kombis, em forma da logo da montadora VW… Um sucesso reconhecido em todo Brasil, Europa e África.
Este ano (2 de setembro de 2012) pretendemos fazer um novo mosaico, com a forma da frente de nossa querida Kombi antiga…aguardem!

Rebuli e sua família

  Momentos marcantes e que merecem destaque no clube.

   Minha esposa apareceu com um Fusquinha 1969 cheio de acessórios, que acabei dando a ela

Marco Rebuli – – Sua fundação, 3 kombis, uma idéia e um nome de clube.
– Primeiro “niver” da Kombi KCC/COPAVA em 2009 com quase 40 kombis:
– Segundo “niver” da Kombi KCC/COPAVA em 2010 com quase 70 kombis:
– Terceiro “niver” da Kombi KCC/COPAVA em 2011 mais de 100 kombis:
– Acompanhar o nascimento e fundação do Sampa Kombi Clube, clube irmão.
– Acompanhar o nascimento e fundação do Kombi Clube Rio Grande do Sul, outro clube irmão.
– Acompanhando a gestação do Kombi Clube Bahia, próximo clube irmão.
– Reconhecimento da FBVA como clube destaque por nosso projeto “Salvem as Kombis”:
– Este ano realizaremos mais um mosaico inédito…

  Como você avalia o antigomobilismo no Brasil?

Marco Rebuli – Não dêem risada leitores!!! Mas avalio o antigomobilismo como o próprio veículo antigo, que a cada ano que passa se valoriza mais, causa mais interesse do povo brasileiro, se destaca como um modelo nacional lá fora, tem seus defeitos e manhas que seus motoristas com o tempo estão aprendendo a lidar, sempre na busca daquele momento perfeito entre veículo e dono, que só quem é antigomobilista entenderá do que estou falando.

  Placa Preta. Está banalizada? Qual a sua opinião sobre o assunto?

Marco Rebuli – Recebemos e-mail da FBVA, sobre este assunto, embora as kombis PP de nosso clube estejam em total acordo com as regras de originalidade, em exposições de veículos antigos, encontramos muitos veículos que como questiona sua pergunta… sim, banalizam e muito!… desperdiçando esta oportunidade de apenas veículos com mais de 80% de originalidade serem portadores deste destaque. Uma pena… um minuto de silêncio.

Kombi, Fiat 147 e Fusca: as três paixões

  Como e quando surgiu sua paixão pelos carros antigos? Fusca ou Kombi? Que “xodó” vem primeiro?

Marco Rebuli – Me formei no CEFET e fui chamado a trabalhar na então Refrigeradores Prosdócimo, grande empresa familiar do ramo, onde seu presidente Sérgio Prosdócimo, dentro da fábrica, mantinha seus Ford, Chevrolet, Willys, Oldsmobile, etc e etc em um barracão, e ao lado um mecânico restaurador que dava manutenção na coleção do Prosdócimo e também os restaurava. Eu terminava minha jornada de trabalho como técnico da qualidade e ficava na porta do local vendo ele trabalhar… um dia ele disse:“O que esta fazendo ai todos os dias?”
Respondi: “Tentando aprender alguma coisa.”   E ele: “Quer aprender? Vem aqui lavar estas peças e me ajudar na lida.”  Neste dia, cheirando a óleo de motor americano e graxa amarela, me contaminei com o vírus da ferrugem.
Meu primeiro veiculo antigo fora uma Rural 1970. Juntei dinheiro por um ano, depois veio outra, Jeep, Maverick, Gordini, e outros. Volkswagen? Nem pensar! Quem gosta de motorzinho é dentista.
Me tornei empresário emergente. Minha esposa apareceu com um Fusquinha 1969 cheio de acessórios, que acabei dando a ela (documento no nome dela), que devido a originalidade, recebeu placa preta.
Tive um revés em minha vida. O sócio fugiu para América com meu dinheiro, os credores tomaram todos meus bens. Fiquei sem nada, sem nenhum carro. Tudo em meu nome foi recolhido. Tudo menos o Fusca 1969 que estava no nome de minha esposa. Sai de meus carros importados com 350 HP para um Fusca de 45 HP. Fazendo uso do único carro que me sobrou…advinha? Peguei carinho por ele de uma forma que só outro antigomobilista leitor entenderia. Refiz minha vida financeira, mais nunca abandonei a “fuça” 1969 de minha esposa. Depois ele ficou pequeno, meus filhos estavam crescendo, ai minha esposa sugeriu a Kombi. Depois apareceu o Fiat 147, e acabou o espaço no sobrado que moro. 3 representantes de ícones da industria nacional, mais 2 carros atuais da família.
Meu xodó? Os três! (risos)

“AntigoKOMBIlistas” em evento oficial do clube em 2010. À direita, Marco Rebuli e Alexander Gromow

 Federação de Clubes Volkswagen do Brasil. Explique para nós o que vem a ser esse projeto? Qual a sua finalidade?

Marco Rebuli – Não espalha!!!… Em conjunto com o Alexandre Gromow e mais 67 clubes cadastrados na última comemoração do Dia Mundial do Fusca, esta sendo realizado um levantamento junto a estes clubes e em paralelo contato com Federações de clubes de Fusca regional (RS), outras fora do Brasil México, Peru e etc…verificando estatutos, prós e contras e experiências destes… Estamos buscando subsídios para quem sabe provavelmente, com toda certeza, não se sabe quando, iniciarmos um laboratório inter clubes na busca do título comentado em sua pergunta.

  Como está sendo recebida essa idéia pelos clubes de outros estados?

Marco Rebuli – Resumindo em palavras:
– Curiosidade;  – Desconfiança; – Imparcialidade; – Euforia; – Pessimismo; – Naturalidade; – Fraternidade…
Ainda estamos na fase primordial…levantamento junto aos clubes…aguarde próximos capítulos!

  Fale sobre esse novo informativo que acaba de nascer. “OFuscante” para Clubes de VW Antigos do Brasil.

Marco Rebuli – Esta bem informada, hein?!… Se trata de um informativo informal com intenção de abastecer os clubes envolvidos do andamento deste esboço de projeto que lançamos este ano, para que os clubes se conheçam, interajam, se apresentem, se unam em prol de nossa maior paixão, o Fusca e derivados… A edição número 001/2012 foi publicada no dia 15 de julho e enviada por e-mail aos clubes participantes. Inicialmente o informativo será em formato PDF e futuramente em forma de revista eletrônica.

 Nossa entrevista está chegando ao fim e deixamos aqui com a palavra o amigo e presidente Marco Rebuli , com quem tive a honra de conversar, para que deixe uma mensagem aos antigomobilistas que prestigiam o Portal Maxicar e agradeço por podermos mostrar a cada mês um pouco mais sobre os clubes de carros antigos no Brasil.

    “Estamos buscando subsídios para quem sabe provavelmente, com toda certeza, não se sabe quando, iniciarmos um laboratório inter clubes”

 

Marcas e modelos diferentes… Mesmos objetivos…Preservação da História!!!Marco Rebuli – Amigos Antigomobilistas e AntigoKOMBIlistas, comparado com as feras que são apresentados a todos aqui na MAXICAR, represento uma gotinha neste mar navegado apenas por quem entende este sentimento inexplicável que nos une a estes objetos de metal auto impulsionados. Você amigo leitor que constantemente acessa esse site, para se atualizar, rever amigos, fazer amigos, deixar seu comentário, reforça esta corrente de paixão por nossos “amigos” automóveis, sendo ou não associado a um clube, sendo um grande colecionador, tendo apenas um veículo, até sem veículo, mas que compreende esta relação “homemáquina” que nos separa em marcas e modelos, mas nos une neste sentimento que só eu e você amigo leitor sentimos e entendemos!

Estamos KOMBInados?

Abraço do Rebuli

 

Comentários do Facebook

Fatima Barenco

Editora do Portal Maxicar. Emails para essa coluna: fatima@maxicar.com.br

1 Comentário

Clique aqui para postar um comentário

  • Boa noite amigo
    Tenho uma kombi ano 2000
    Faz 3 meses que tenho ela e estou tendo dificuldade em achar um informativo sobre quais os pontos de lubrificaçao (graxa) da suspensao dianteira . voce poderia me ajudar?

Novidades dos Classificados