10 Perguntas ao Presidente, com Fatima Barenco

Leonardo Campos – Clube Amigos do Antigo – Teresópolis, RJ

Unindo gerações em torno do antigomobilismo

Ele tem 29 anos e é gerente comercial da Tintas Coqueiros. Sua paixão pelos antigos já vem de berço, como ele nos contou: “Somos uma família grande, com 4 filhos homens e mais nosso pai com a paixão por carros antigos. Uma verdadeira briga por vagas na garagem!”
Jovem, determinado e com muita garra, seu recém criado clube realizará nos dias 07 e 08 de julho um grande evento em sua cidade, a 36º Exposição Anual de Automóveis Antigos de Teresópolis. Neste mês tenho a honra de conversar com Leonardo Campos Nascimento Filho, presidente do Amigos do Antigo de Teresópolis.


1 Leonardo, conte-nos um pouco da história do Amigos do Antigo. Como tudo começou?

LEONARDO — O Amigos do Antigo surgiu em 2009 através de um grupo de amigos de Teresópolis que tinham em comum a paixão por carros antigos sem qualquer tipo de discriminação com pessoas/carros. Nosso lema sempre foi amizade e união acima de tudo.

2010 – O então Grupo Amigos do Antigo

1 Nos fale sobre as atividades que o clube realiza?

LEONARDO — Desde 2010 realizamos a exposição mais antiga do Brasil em realização contínua. O antigo realizador, Doutor Robinson Ferreira faleceu às vésperas do evento daquele ano e decidimos não deixar essa tradição acabar. Nosso clube hoje tem a missão de ser um grupo participativo e colaborativo em eventos e promoções na cultura dos Automóveis Antigos, preservando a sua história e propagando companheirismo e respeito no meio. Temos também o compromisso em nossa cidade com o lado social, ajudando sempre instituições sérias. Somos hoje uma referência na Região Serrana e tentamos honrar nossa importância da melhor maneira possível.

1 Volks Clube de Teresópolis e Amigos do Antigo. Nos fale sobre essa união?

LEONARDO — Desde o ano de 2016 — quando nosso evento anual passou de 500 inscrições — decidimos sair da categoria de grupo para um verdadeiro clube, elevando a qualidade do encontro e não deixando se tornar um evento “inchado”.  Em 2017 no nosso anual, o amigo Joel Seixas nos propôs uma unificação de clubes em Teresópolis, tendo em vista que o Volks Club estava congelado a certo tempo, e na mesma hora eu absorvi a ideia, entendi a responsabilidade e decidimos então pela a não abertura de um novo clube, mas sim pela união.

2018 – a recém eleita diretoria do agora Clube Amigos do Antigo

1 Está chegando a 36º Exposição Anual de Automóveis Antigos de Teresópolis. Nos fale como estão os preparativos e as novidades para esse ano.

LEONARDO — O clube Amigos do Antigo e o Grupo El Akbar orgulhosamente estão preparando algo jamais visto em eventos de Carros antigos. Estamos buscando a inovação.  A primeira delas é que contaremos com mais um dia. Será realizado nos dias 07 e 08 de julho de 2018, de 08h a 00h, no Teresópolis Golf Club.

E não para por ai. Nosso presente para a Teresópolis será o maior evento que a cidade já viu, com mais de 25.000 metros quadrados de muitos automóveis antigos, gastronomia, cultura, entretenimento, shows, área infantil, mercado de pulgas. Um show que promete e será a Festa do Antigo, evento que irá reunir Toni Garrido (Cidade Negra), Paulo Miklos (Titãs), George Israel (Kid Abelha) e Valério Araújo (Cover Oficial Cazuza) no cenário do Teresópolis Golf Club, no  dia 07 de julho às 23 horas. A união dos gigantes promete um repertório com muitas surpresas em um evento que vai entrar para a história da Região Serrana.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DO EVENTO

Além disso, sortearemos entre os inscritos um Gurgel BR 800 1991. O sortudo levará pra casa um carrinho com mecânica de moto 250 cilindras legalizado. Um veículo urbano e econômico!

1 Uma grande conquista para o clube que mereça destaque?

LEONARDO — Conseguir unir em prol do antigomobilismo pessoas de 3 a 4 gerações, já que hoje o clube tem  membros de 20 a 80 anos de idade.

1 Um assunto sempre na atualidade para os colecionadores. Considera importante possuir automóveis com placas pretas? Como você vê a proliferação dessas placas irregulares?

LEONARDO — Hoje para moralizar a placa preta, seria fundamental a regulamentação dos veículos modificados. Acho muito importante um carro colecionável em excelente estado de conservação possuir o certificado de originalidade. Nosso clube tem esse compromisso de emitir as placas pretas seguindo fielmente as diretrizes da Federação Brasileira de Veículos Antigos, inclusive criando um selo de qualidade para os emitidos, mas vejo que enquanto não se regulamentar os modificados, a Placa Preta seguirá perdendo sua importância por conta de meia dúzia de comerciantes que só pensam no bem financeiro.

Anual de 2016: sucesso absoluto

1 Nos encontros ouvimos muitas histórias do quanto significa determinada marca de carro para uma pessoa, das lembranças de infância e de muitas outras recordações. De onde vem sua paixão pelos carros Antigos? Essa é uma herança que vem de pai para filho? E qual o seu xodó?

LEONARDO — Minha paixão por carros de modo geral vem de berço, meu pai sempre esteve no meio, foi piloto de corridas na década de 1980 em algumas categorias, disputando provas em Passat, Escort e os “ V-oitões” Dodges Charger/Dart. Em 1997 quando eu tinha apenas 9 anos de idade meu pai comprou de um grande amigo dele um Dart 1979 que era deste amigo desde a época em que eles eram jovens. Me lembro como se fosse hoje:  o carro chegando e no fim de semana seguinte nós fomos participar do evento em Vitória-ES. Após esse evento, nunca mais paramos, somos 4 filhos homens e mais meu pai respirando dia e noite carros antigos!

A relação com o Opala hoje…

Mas minha paixão mesmo são os Chevrolet, especificamente os Opalas! Quando fiz 18 anos meu pai me deu meu primeiro carro, um Opala 1973 Rose 4 cilindros, cambio em cima 3 marchas. Nunca mais consegui deixar de ter um Opala na garagem.

1 Em poucas palavras, o que vem à sua mente:

Andar de carro antigo é…  Estar com quem você ama, amigos e curtição!

Uma viagem marcante… Evento anual Veteran Vitoria 2012 quando meu carro foi considerado o melhor carro nacional do evento. Fomos rodando 500 Km de 6 cilindros.

Um carro antigo quebrado na viagem é… farra, brincadeira e curtição

Fazer vistoria na sua cidade…  uma dificuldade, infelizmente.

Inspeção veicular… Cada vez mais complexa.

Conseguir patrocínio é… ter o compromisso com qualquer empresa privada em fazer por nossa cidade e pelos antigos!

… e também na infância

1 Para quem quiser se filiar ao clube, como deve proceder?

LEONARDO — Nos reunimos toda quarta-feira no Posto Resende (ao lado do Mc Donalds). Será um prazer compartilhar nossas experiências com pessoas que têm o mesmo gosto que nós.

1 Nossa entrevista está chegando ao fim e deixamos aqui com a palavra o grande amigo e presidente Leonardo Campos, a quem agradeço imensamente pela participação e por poder mostrar a cada mês um pouco mais sobre os clubes brasileiros. O espaço é todo seu…

LEONARDO — É com grande alegria que participo desta entrevista, Fátima! Fico contente que nosso clube tenha essa aproximação com um dos portais mais importantes no ramo de carros antigos do Brasil. A cada ano, nossas exposições anuais estão sempre agregando amigos e parceiros! Certamente somos privilegiados por essa turma e como sempre, preparamos uma recepção calorosa a todos no dia 7 de julho!
Nos vemos lá!

Comentários do Facebook

Fatima Barenco

Editora do Portal Maxicar. Emails para essa coluna: fatima@maxicar.com.br

1 Comentário

Clique aqui para postar um comentário

  • Léo muito bom ver vc a frente do clube, parabens pelo seu trabalho, infelizmente não poderei estar presente, mas sei que será um sucesso, gde abço!!

Novidades dos Classificados

Informativos pelo WhatsApp

%d blogueiros gostam disto: