Coberturas

2º Encontro de Carros Antigos ABR Magneti Marelli – Mauá, SP

Domingo de diversão e carros antigos, é claro!

Evento reuniu funcionários da empresa automotiva e mais de 100 automóveis antigos

Um domingo de confraternização. Assim foi a 2ª edição do Encontro de Carros Antigos ABR Magneti Marelli, que aconteceu dia 29 de outubro, no Clube ABR Cofap, em Mauá-SP. Funcionários da empresa automobilística que dá nome ao evento puderam levar seus familiares e de quebra ver uma bela exposição de automóveis clássicos. Entre as atrações extras, música ao vivo, food trucks e parquinho para a criançada, com direito a pipoca e algodão doce.

Foram cerca de uma centena de automóveis participantes. O Cadillac Sedan DeVille 1973 da foto principal desta matéria ficou em terceiro lugar entre os destaques, seguido por dois hot rods: a réplica Ford Cabriolet 1937 foi o quarto colocado e a Pick-up Ford F100 1958 a quinta.

O belíssimo Mustang Boss 302 1970 foi o vice-campeão. Prêmio mais que merecido, já que essa rara série de rua foi fabricada apenas em 1969 e 1970 para efeito de homologação pela Ford para a versão das pistas da famosa corrida SCCA Trans Am. Sob o capô um motorzão V8 302 com cerca de 300cv. Havia ainda uma versão mais potente, a Boss 429. A palavra inglesa ‘boss’ significa chefe. Faz sentido!

O simpático Reumatismo Car Club — de São Bernardo do Campo — faturou nada menos que dois prêmios. Além de um honroso sétimo lugar com o Simca Chambord Tufão 1966, ficou também com a primeiríssima colocação. A glória foi dada a um luxuoso Packard Six Sedan 1937.

Premiação à parte, o evento teve a participação de muitos outros automóveis bacanas, entre os quais destacamos:

  • O grupo de esportivos Miura, com versões como motores boxer traseiros refrigerados a ar (Fusca) e dianteiros AP (Santana, Gol…);
  • Um esportivo italiano Fiat X1/9, modelo muito raro por aqui. No Brasil tivemos a sua réplica, o Corona (da ducha mesmo!) Dardo, com fabricação limitada a 300 exemplares, carroceria em fibra de vidro e motor 1.3 do Fiat 147 Rallye
  • Dois Corcéis: um De Luxo Coupê 1971 e um GT 1974;
  • Um raríssimo Simca Jangada 1965, modelo que foi o primeiro Station Wagon fabricado no Brasil;
  • Um impecável Passat 1977 da versão esportiva TS, uma das mais bonitas e preferidas entre as dessa geração, fabricada aqui no Brasil.


Texto e edição: Fernando Barenco
Fotos: Odair Ferraz

Comentários do Facebook

Novidades dos Classificados

Informativos pelo WhatsApp