Clássicos em video

As agruras de um colecionador de automóveis da Síria

Oprimeiro carro de sua coleção foi um Pontiac 1950 que herdou do pai industrial e que conserva até hoje. Até recentemente eram 20 automóveis. Hoje são 14 — ou o que restou deles — após anos de conflitos na cidade onde vive, Aleppo, que não sai dos noticiários dos últimos tempos, por ser uma das mais castigadas pela Guerra da Síria.

Mohammad Mohiedine Anis, ou Abu Omar, como é mais conhecido, hoje tem 70 anos e vê com tristeza a destruição não apenas de sua coleção, mas de sua casa, sua rua, seu bairro inteiro.

Apesar de toda a desgraça que vive seu país, com fé inabalável ele ainda espera restaura-los.

Vídeo e fotos: AFP

Comentários do Facebook

Tags

1 Comentário

Clique aqui para postar um comentário

  • Pessoal boa tarde. parabéns pelas matérias relacionadas. Estou em Betim MG e Já tive uma PLYMOUTH VALIANT 1960 vermelha que pertenceu ao meu avô quando nova. Depois passou pelo filho dele (meu tio) e depois comprei na mão dele. não a tenho mais devido ter passado por problemas financeiros e tive que vende-la. Não preciso nem falar do meu arrependimento… Na época anos 80/90 me disseram que só tinha duas aqui em Minas Gerais, que era a minha e uma outra azul completamente original. Bem quem souber de uma para venda peço que me envie fotos, quem sabe não chegou a minha hora novamente de ter de volta minha PLYMOUTH VALIANT 1960 !!! No mais um grande abraço à todos. Fique com Deus.

Novidades dos Classificados