MaxiBlog

Nem a morte o separou de seu Pontiac

Nem a morte o separou de seu Pontiac
A notícia não é nova. Aconteceu nos Estados Unidos em 2009, mas por algum motivo as imagens começaram a viralizar agora aqui no Brasil, nas redes sociais. Então decidimos pesquisar o fato, que continua sendo inusitado.

Lonnie Holloway, morador de Saluda, na Carolina do Sul, morreu aos 90 anos. Era um apaixonado por seu Pontiac Catalina 1973 e por suas armas (coisa de americano…). Então, fez constar por escrito que queria ser enterrado com seus bens mais queridos. E teria se quer assim, sentado no banco da frente. Suas 11 armas foram colocadas dentro do porta-malas. O funeral foi cuidadosamente planejado por ele. O guincho para colocar o carro na cova, por exemplo, foi contratado com um ano de antecedência.

Comentários do Facebook

Tags

1 Comentário

Clique aqui para postar um comentário