Coberturas Conteúdo Eventos

5º Encontro de Opalas e Carros Antigos – Barbacena, MG

O encontro aconteceu na Praça da Igreja de Santo Antônio

5º Encontro de Opalas e Carros Antigos – Barbacena, MG

Uma festa para Opalas e seus convidados

Evento reuniu mais de 200 veículos, de várias marcas e modelos

O 5º Encontro dos Opaleiros de Barbacena-MG não foi um encontro de Opalas e Caravans. Foi um grande encontro de carros antigos que aconteceu no domingo, 19/06 na Praça da Igreja de Santo Antônio, naquela cidade.

Opala 1981 com apenas
Opala 1981 com apenas 21 mil km rodados

Entre os destaques, o Opala 81/82, com 21.370 km originais, de uma pessoa muito conhecida na cidade, o diácono da Igreja Matriz, Antônio Prado. Duas Mercedes de diferentes gerações também chamavam à atenção. Lado a lado estavam a 170 B 1938, movida a diesel de Paulo César Francisco, de São João Del Rei – MG e a W 115/220 1971, com 29.375 km rodados, de Marllon Nogueira Tahk, do Rio de Janeiro-RJ. O Chevrolet 1946 Fleetmaster, de José Ângelo Loschi, também atraiu muitos olhares. Assim como o Opel Kapitan 1951 de Ernandes Ramos e o reluzente Aero Willys 1965 de Robson Elias, presidente do Clube de Autos Antigos de Congonhas-MG.

Acima, os Mercedes Benz de XXXXX. Abaixo, Chevrolet Fleetmaster 1946 e o Aero de Robson Elias
Acima, os Mercedes Benz de Marlon Nogueira Tahk e de Paulo César Francisco.  Abaixo, Chevrolet Fleetmaster 1946 e o Aero de Robson Elias

A grande maioria dos veículos presentes eram Opalas e seus derivados de muitos anos, modelos e motores diferentes, desde o 1970 de Ubiratan Alves até alguns 1992, ano de encerramento da produção desse ícone da indústria automobilística brasileira.

Opalas da 1ª e última gerações
Opalas da 1ª e última gerações

Foi reservado um espaço para veículos militares e ali estavam o GM Veraneio 1984, o caminhão Ford F 600, 1975 e o Dodge Commander 1942, com o qual, expositores fizeram uma farra desfilando entre os carros antigos.

Diversão a bordo do Dodge Commander
Diversão a bordo do Dodge Commander

Mais de duas centenas de veículos estiveram presentes neste evento e vários clubes estiveram representados: Associação de Veículos Antigos de Juiz de Fora, Clube do Automóvel Antigo de Juiz de Fora (VCC-JF), Sociedade do Carro Antigo de Barbacena. Clube de Veículos Antigos de Nova Lima, Clube Garagem Antiga, Clube de Autos Antigos Rota Real, Clube de Autos Antigos de Congonhas, Antigomobilistas de Dores de Campos, Clube do Carro Antigo de Barroso, entre outros.

leg
Ubiratan Alves (2º à esquerda) e Renato Mauro (8º à esquerda) com representantes de clubes

O Clube Opaleiros de Barbacena nasceu com um grupo de amigos que queria reunir apenas fãs do modelo. Ubiratan Alves, Renato Mauro Oliveira e Fabiano Santos, que promovem esse encontro anual com a ajuda das esposas, Mônica Barbosa, Vera Bernini e Maria Ferreira. A eles se juntou mais um casal, Serginho Fibra e Luísa Gorgulho Campos, que promovem o encontro mensal do mesmo clube. O interessante é que eles querem que o clube continue assim. Sem formalidades, sempre tomando decisões em conjunto, sem ninguém assumir a direção do clube sozinho. A receita está dando certo porque neste 5º encontro vimos uma bela infraestrutura montada com barracas de comidas e bebidas, atrações para crianças, muitos souvenirs relativos a automóveis e música dos anos 80 animando a festa que ocorreu em clima de grande amizade, descontração e confraternização.

Momento da confraternização
Momento da confraternização no Antonino Bristrô

Por falar em confraternização, o clube promoveu também, na véspera, no Antonino Bistrô, elegante casa noturna de Barbacena, um coquetel comemorativo, com um show do cantor Walace Passarini. Ali também houve muito calor humano, na gelada cidade situada a 1170 metros de altitude, na Serra da Mantiqueira. Que venha o próximo!

 

   EXPOSIÇÃO      MOMENTOS      CONFRATERNIZAÇÃO

 

Texto e fotos: João Baptista Jorge Pinto Filho
Edição: Fernando Barenco

Comentários do Facebook

Novidades dos Classificados