Coberturas Conteúdo Eventos

Exposição de Carros Antigos – Capim Branco, MG

Exposição de Carros Antigos – Capim Branco, MG

Um domingo agradável

Evento aconteceu em frente ao Museu de Capim Branco reunindo amigos e familiares

Neste domingo (17/05) a edição do Encontro de carros antigos em capim Branco movimentou o centro da cidade. Os amantes de clássicos tiveram o que apreciar além de aproveitar é claro às delícias da culinária local. A banda Metrattön Live também se apresentou durante a tarde, garantindo a animação da galera.

Música ao vivo com a Banda Metrattön Live

Gercino Flávio, 32 anos, participa a muito tempo deste tipo de evento e se prepara para a 3ª edição em Sete Lagoas. Ao lado de Gisele Gourlat , Gercino organiza o evento e em Capim Branco já começa a divulgar. “Esse evento é importante tanto para o turismo e cultura da cidade quanto para encontrar os amigos. Quem não é da época conhece os carros e quem já conhece relembra a história.”— diz Gercino.

Paulo César (Vulgo Sopa) de 35 anos participa há mais de 10 anos. “O encontro de carros reuni várias culturas, famílias em prol de uma mesma ideologia. É um programa familiar e ambiente agradável.
Glauber Mirando de 30 anos ressalta a importância do evento como hobby, lazer e acompanha o evento sempre que possível. Michael Piders de 45 anos acompanha o evento há 25 anos e ressalta a importância do encontro para reunir os amigos, rodar com os carros e fazer amizades.

Os organizadores do evento em Prudente de Morais, Amilton Ribeiro e Zander Caetano também estiveram presentes demonstrando apoio na cidade. “Esse encontro movimenta a cidade, possibilita conhecer pessoas, encontrar os amigos e divulgar a cidade. Em Prudente de Morais o encontro existe há 7 anos e com exceção de 2015, acontece todo 3º domingo do mês de maio .” — Relata Amilton.

Com um ambiente agradável, o evento atrai famílias, amigos e pessoas de todas as idades, exemplos disto são Ana Clara e João Francisco que participam com a família. “Participo com meus pais. Gosto mais do Impala.” Afirma João Francisco Duarte de 7 anos. “Nasci em uma família apaixonada por carros, participo com minha família por que gosto de conhecer a história dos carros. “— Ana Clara de 9 anos que assume a preferência pelo Mercury.

Momentos da Exposição
Momentos da Exposição

O encontro também é um espaço de negócios. Lorena Xavier traz a máquina de pipocas pela primeira vez em um encontro de carros antigos. “É uma oportunidade de divulgar meu trabalho, o carrinho”. — Afirma Lorena Xavier de 25 anos. Já Alexandre de 43 anos, participa do evento há 12 anos, cinco deles como comerciante e vê a oportunidade de comercializar as miniaturas de carros antigos. “O encontro entre outras coisas movimenta o comércio. Além de ser um ambiente familiar e agradável.” — Igor Scalzo, 32 anos participa dos eventos há 5 anos e viu a oportunidade de utilizar o veículo como forma de complementação de renda. Nos encontros usa a Kombi para a venda de biscoitos caseiros. “O encontro é um lugar para manter a cultura e rever os amigos. Participo sempre que posso.” Afirma.
Gilmar Bastos além de ver os carros antigos teve a oportunidade de conhecer o Museu de Capim Branco e afirma estar encantado com a cidade. “É muito legal ter este espaço. Tive um momento muito rico dentro do Museu ao conversar com dois moradores da cidade, os senhores João e Geraldo. Houve uma interação e troca de culturas, onde eles me contaram histórias da cidade e do Museu. Esse evento ajuda a fomentar a cultura, dar acesso ás pessoas da região e também aos moradores da cidade.”— Conclui.

Maurício Poeta de 59 anos, morador de Belo Horizonte visitou Capim Branco pela vez e se diz muito bem recebido. “esse evento possibilita retratar uma cultura existencial e mercantil e mostra o princípio da evolução do automóvel.
Texto e Fotos: André Phillip Serra Gonçalves Dias
Diretor do Museu Histórico de Capim Branco 
Presidente do Clube do Carro Antigo de Capim Branco
Edição: Fatima Barenco

Comentários do Facebook

Novidades dos Classificados